profile-anderson-souza

Anderson Souza

(94) 981541272

facebook.com/andersonsouza.photo

@souzaanderson

Em 2008, o fotógrafo Anderson Souza deixou o audiovisual para se dedicar exclusivamente à sua primeira paixão: a fotografia. A mudança se deu a partir do encontro com o fotógrafo mexicano Eugênio Moraes Montoya, cuja estética fotográfica lembrava os registros de Sebastião Salgado. O renomado profissional, que na década de 1980 fotografou o garimpo de Serra Pelada, mostrava um universo muito familiar a Anderson, cujo pai era garimpeiro.

Depois de trabalhar com Montoya, Anderson dedicou-se cada vez mais à arte de fotografar. Hoje, divide o tempo entre a cobertura fotográfica para assessoria de imprensa e registros incríveis da Região Sudeste do Pará, em especial das cidades de Marabá, Parauapebas (Floresta Nacional de Carajás), Curionópolis (Serra Pelada), Eldorado do Carajás e Canaã dos Carajás.

O olhar diferenciado sobre a região rendeu exposições solos e coletivas como a que está em Ferrara, na Itália, no Mercatino Della Fantasia, e que também ocupou a galeria do shopping Parauapebas. A “Exposição Povo Xikrin do Cateté” reúne 20 fotografias que mostram o cotidiano nas comunidades indígenas Xikrin do povo Kayapó: Ôodjân, Djudjêkô e Kateté, registrado ao longo de quatro anos.

Em 2014/2015, os moradores de Parauapebas ganharam uma exposição sobre seu cotidiano nas ruas da própria cidade. “Cenas da Cidade” foi um trabalho de Souza, em conjunto com o fotógrafo Felipe Borges. Anderson já teve trabalhos publicados pela BBC Brasil e, em maio deste ano, participou da exposição “The Family Of Man”, em Golshahr, no Irã, como convidado do coletivo EveryDay Brasil.

Em novembro deste ano, o fotógrafo, que é natural de Marabá, foi um dos vencedores do Prêmio de Jornalismo em Turismo Comendador Marques dos Reis na categoria #MeuBemPará.

Exposições

Este é um espaço dedicado aos fotógrafos que atuam no Pará. Uma série com exposições mensais de trabalhos autorais. Confira e compartilhe.
profile-anderson-souza

Anderson Souza

(94) 981541272

facebook.com/andersonsouza.photo

@souzaanderson

Em 2008, o fotógrafo Anderson Souza deixou o audiovisual para se dedicar exclusivamente à sua primeira paixão: a fotografia. A mudança se deu a partir do encontro com o fotógrafo mexicano Eugênio Moraes Montoya, cuja estética fotográfica lembrava os registros de Sebastião Salgado. O renomado profissional, que na década de 1980 fotografou o garimpo de Serra Pelada, mostrava um universo muito familiar a Anderson, cujo pai era garimpeiro.

Depois de trabalhar com Montoya, Anderson dedicou-se cada vez mais à arte de fotografar. Hoje, divide o tempo entre a cobertura fotográfica para assessoria de imprensa e registros incríveis da Região Sudeste do Pará, em especial das cidades de Marabá, Parauapebas (Floresta Nacional de Carajás), Curionópolis (Serra Pelada), Eldorado do Carajás e Canaã dos Carajás.

O olhar diferenciado sobre a região rendeu exposições solos e coletivas como a que está em Ferrara, na Itália, no Mercatino Della Fantasia, e que também ocupou a galeria do shopping Parauapebas. A “Exposição Povo Xikrin do Cateté” reúne 20 fotografias que mostram o cotidiano nas comunidades indígenas Xikrin do povo Kayapó: Ôodjân, Djudjêkô e Kateté, registrado ao longo de quatro anos.

Em 2014/2015, os moradores de Parauapebas ganharam uma exposição sobre seu cotidiano nas ruas da própria cidade. “Cenas da Cidade” foi um trabalho de Souza, em conjunto com o fotógrafo Felipe Borges. Anderson já teve trabalhos publicados pela BBC Brasil e, em maio deste ano, participou da exposição “The Family Of Man”, em Golshahr, no Irã, como convidado do coletivo EveryDay Brasil.

Em novembro deste ano, o fotógrafo, que é natural de Marabá, foi um dos vencedores do Prêmio de Jornalismo em Turismo Comendador Marques dos Reis na categoria #MeuBemPará.

Exposições

Este é um espaço dedicado aos fotógrafos que atuam no Pará. Uma série com exposições mensais de trabalhos autorais. Confira e compartilhe.